Parada Ducati Monster bate recorde

Mais de cinco centenas de Ducati Monster rodaram no circuito de Paul Ricard, celebrando o 25.º aniversário da icónica moto italiana.

153
Parada Ducati Monster Paul Ricard 8

No âmbito da comemoração dos 25 anos da Ducati Monster, decorreu uma parada no circuito Paul Ricard.

Os proprietários foram convocados para aparecer no circuito francês por ocasião do Sunday Ride Classic, um evento dedicado às motos de colecção.

Ao chamamento responderam várias centenas de ‘ducatisti’, que reuniram 517 Ducati Monster para uma parada o Paul Ricard. Este foi um número recorde, quebrando o anterior de 405 Monsters reunidas pelo Monster Owners Belgium Club em 2008.

O recorde foi oficializado por um representante judiciário de Bandol

Entre as mais de cinco centenas de Ducati Monster havia exemplares das muitas versões da moto italiana. Da original M900 de 1993, à mais moderna 821, havia de tudo, incluíndo versões emblemáticas, como a Monster Senna ou a Monster Cromo. Para além disso, compareceram muitas motos personalizadas. O numeroso grupo deu uma volta ao circuito liderado por um antigo piloto oficial: Régis Laconi foi o porta-estandarte neste dia especial.

A celebração continua

A comemoração foi organizada pelo Desmo Grand Sud. Este clube Ducatista tratou de toda a logística, e organizouainda um concurso para a melhor Monster. Um júri liderado pelo editor da Desmo Magazine premiou a melhor de cada uma das sete categorias.

Antes de sair para a parada, os participantes tiveram oportunidade de imortalizar o momento. Cada um deles tirou uma foto num estúdio montado especificamente para o efeito. Estas fotos terão um papel principal na campanha de comunicação dedicada ao 25.º aniversário da Ducati Monster e que nas redes sociais utilizará a hashtag #welovemonster.

As celebrações do aniversário vão continuar ao longo do ano O ponto alto será no 2018 World Ducati Week; este ano o evento realiza-se de 20 a 22 de Julho, no Misano World Circuit Marco Simoncelli.

A Ducati Monster original, a M900, foi desenhada pelo argentino Miguel Galuzzi. A Monster foi apresentada oficialmente à imprensa e ao público no Intermot, o Salão de Colónia, em 1992. Ao longo dos 25 anos de história foi proposta com várias motorizações, dos 600 aos 1200 cc (e também uma versão de 400 cc para o Japão); e apesar do seu design ter vindo a ser modernizado, na essência mantém os traços originais da Mostro 900.