Nacional de MX: Correia vence em São Quintino

O Campeonato Nacional de Motocross passou por Casais de São Quintino no Domingo de Páscoa.

125
Nacional de Motocross São Quintino

No Domingo de Páscoa cumpriu-se uma tradição do motocross nacional: uma prova na pista de Casais de São Quintino. Foi a segunda ronda do calendário do campeonato nacional da modalidade, e desta vez foi Luis Correia quem venceu.

Sendo uma pista com fortes e longas tradições, foram milhares os espectadores que aproveitaram o bom tempo para assistir à competição no carismático traçado marcado pelas impressionantes subidas e descidas.

Esta ronda ficou marcada logo nos treinos pela queda e consequente lesão de um dos protagonistas do campeonato. Sandro Peixe sofreu uma queda nos treinos livres e fracturou um metatarso, tendo sido submetido a uma intervenção cirúrgica.

Depois de ter vencido na prova inaugural da temporada, em Freixo de Espada à Cinta, Paulo Alberto vinha determinado em bater de novo os rivais. Desta vez foi Luis Correia quem levou a vitórias em ambas as mangas de MX1, sempre secundado por Paulo Alberto. Na primeira manga foi Pedro Carvalho quem completou o pódio, enquanto que na segunda foi Luis Oliveira.

Agora Correia e Alberto partilham a liderança do campeonato de MX1, ambos com 94 pontos.

Nacional de Motocross São Quintino
Luis Correia e Paulo Alberto

MX2 para Diogo Graça

Em MX2 foi Diogo Graça quem fez a dobradinha; Luis Outeiro – da categoria Junior – terminou ambas as mangas na 2.ª posição. Na primeira manga foi o Junior Bruno Charrua quem terminou em 3.º. posição ocupada por Jorge Leite na segunda manga. Rodrigo Luz foi o melhor das 2 Tempos, ao terminar ambas as mangas na 7.ª posição.

Diogo Graça permanece invicto esta temporada, com quatro vitórias em quatro mangas e lidera o campeonato, seguido de Outeiro e Charrua.

Na manga Elite, que reune os pilotos de MX1 e MX2, Luis Oliveira foi o primeiro líder, mas foi passado por Paulo Alberto logo na segunda volta. Este também não conseguia manter o comando por muito tempo, ao ser passado por Luis Correia na volta seguinte. Correia cavou um pequeno fosso para os perseguidores e venceu com 7,051 s de vantagem sobre Paulo Alberto; Luis Oliveira fechou o pódio.

Nesta manga Diogo Graça foi o melhor piloto de MX2, com o 5.º lugar final, Luis Outeiro foi o melhor dos Juniores, em 6.º, e Rodrigo Luz, em 16.º, foi o melhor piloto das 2 Tempos.

Tal como em MX1, Luis Correia e Paulo Alberto partilham o comando do campeonato com 47 pontos cada um.

Entre os Infantis B desta vez foi Tomás Santos a vencer ambas as mangas, enquanto que Guilherme Esteves e Martim Maria terminaram sempre nas posições seguintes. Santos lidera o campeonato com 6 pontos de vantagem.

Todas as classificações aqui.