MotoGP: primeiro dia de testes em Sepang

Realizou-se em Sepang o primeiro dia de testes de pré-temporada de MotoGP do ano, e Dani Pedrosa foi mais rápido.

176
Marc Marquez e Dani Pedrosa em Sepang ©Repsol Honda

O defeso terminou e os pilotos de MotoGP regressaram à actividade para os primeiros testes de 2018, em Sepang.

Depois do shakedown feito nos dias anteriores pelos pilotos de testes, foi a vez dos pilotos permanentes do campeonato entrarem em pista para continuar a preparação da temporada de 2018.

O dia começou bastante molhado, já que choveu durante a noite e boa parte do dia, levando os pilotos a rodar com pneus de chuva.

A chuva acabou por para e a pista secou, e rapidamente os tempos por volta se aproximaram dos actuais recordes do circuito, com Dani Pedrosa, Andrea Dovizioso e Jorge Lorenzo a rodarem abaixo dos 2’00.

Pedrosa na frente

O piloto espanhol da Honda, que detém o recorde da pole position (1’59.053) neste circuito, seria o mais rápido, ficando a pouco menos de três décimas desse recorde.

Os tempos do primeiro dia de testes

As Ducati invadiram o topo da tabela de tempos, com Danilo Petrucci e Jack Miller, companheiros de equipa na Alma Pramac Racing, a terminarem logo atrás dos pilotos oficiais da marca italiana.

O campeão do mundo Marc Marquez terminou o dia em 7.º, enquanto que Valentino Rossi, que liderou a tabela durante muito tempo, terminaria em 6.º, 0,806 atrás de Pedrosa.

Nos rookies, estreia absoluta para Tom Lüthi, que não pôde rodar há dois meses em Valência por estar lesionado. O piloto suíço terminou o primeiro dia em 27.º, a 4,305 s do melhor tempo; o rookie mais rápido foi Takaaki Nakagami, em 12.º, com uma Honda RC213V de 2017, a 1,237 s de Pedrosa.

Novas soluções

Foram testadas várias novas soluções, as mais visíveis das quais na aerodinâmica, com a Yamaha e a KTM a trazerem carenagens muito semelhantes às que a Ducati usou no ano passado. Essas carenagens foram para já usadas pelos pilotos de testes Katsuyuki Nakasuga e Mika Kallio, respectivamente.

Katsuyuki Nakasuga, piloto de testes da Yamaha ©motogp.com

Depois da Ducati ter apresentado oficialmente a equipa em Bolonha e de a Yamaha ter feito o mesmo há dias em Madrid, antes de viajar para a Malásia, foi já em Sepang que, mais uma vez, a Suzuki Ecstar mostrou oficialmente as suas cores para 2018. A Repsol Honda só fará a sua apresentação a 20 de Fevereiro, em Jakarta, na Indonésia.

Andrea Iannone e Alex Rins, Team Ecstar Suzuki ©Suzuki Racing