Moto2 e Moto3: primeiro dia de testes em Jerez

Os pilotos de Moto2 e Moto3 iniciaram hoje em Jerez de la Frontera mais três dias de testes de pré-temporada. Francesco Bagnaia foi o mais rápido em Moto2, Miguel Oliveira foi 4.º.

60

Depois de Valência na semana passada, as equipas de Moto2 e Moto3 estão agora em Jerez de la Frontera para mais uma ronda de testes.
Este primeiro dia ficou marcado pelo aparecimento da chuva pouco antes da segunda de três sessões reservadas às Moto2; a chuva acabou por afectar essa sessão e a seguinte de Moto3, mas depois o sol e o vento que se fez sentir no circuito andaluz secaram os asfalto.
Com o piso de novo seco para a última sessão do dia, os quatro mais rápidos rodaram abaixo do actual recorde da volta mais rápida em corrida (registado por Franco Morbidelli no último GP de Espanha, 1’42.596).
O melhor tempo dia dia foi para Francesco Bagnaia, rodando em 1’42.330, ficando assim aquém do seu melhor tempo de 1’41.873 nos testes privados de Novembro.
O segundo melhor tempo foi para Alex Marquez, que não esteve presente em Valência na semana passada, e Mattia Pasini fechou os três primeiros.
Miguel Oliveira foi o quarto mais rápido, a menos de três décimas de Bagnaia: «O primeiro dia correu bem. Ao meio dia choveu e não pudemos rodar na segunda sessão. A pista secou rapidamente e pudemos voltar ao trabalho, e temos ainda uma grande margem para melhorar amanhã. Conseguimos testar algumas afinações de suspensões, mas a verdade é que nos concentrámos basicamente em adaptar a moto às condições ventosas e de fraca aderência que encontrámos», disse Miguel Oliveira no final deste primeiro dia.
O campeão mundial de Moto3, Joan Mir, que também não esteve presente nos testes de Valência, foi 15.º, a pouco menos de um segundo do melhor tempo do dia.
Neste primeiro dia registaram-se as quedas de Mattia Pasini e Sam Lowes.

Moto3: Martin no topo

Nas Moto3, que também viram a segunda sessão afectada pelo asfalto molhado pela chuva, foi Jorge Martin quem assegurou o melhor tempo.
O final da terceira e última sessão quase parecia o final de uma qualificação, com quatro pilotos a baixarem sucessivamente os seus tempos. Seria o piloto espanhol da Del Conca Gresini Moto3 a averbar a melhor volta, com escassa vantagem sobre Tony Arbolino, Niccolo Antonelli e Albert Arenas.
Nas sessões de Moto3 registaram-se as quedas de Aron Canet, Enea Bastianini, Kaito Toba e Alonso Lopez.

Moto2: melhores tempos do primeiro dia
Moto3: melhores tempos do primeiro dia